divagações concretas concretudes abstratas

e um copo vazio está
cheio de ar

9.2.09

do almoço
a mastigação é o segredo para uma boa alimentação





fome de dizer a primeira amenidade e rir no plural
fome da saudade,fome,
fome você.
garfo e faca,
fome,
aqui deitada,
fome
é pauzinho e molho shoyo,
fome tua perna pesando a minha,
o frio do teu ar condicionado,fome.
carne crua,sangrando fundo,fome.
devidamente,
mas ti gan do tu do a té a úl ti ma ponta,
fome.





:

2 comentários:

laranjota disse...

to faminta de vc

alice disse...

muito, muito bom. poeta.

eu?

Minha foto
to correndo.sempre pressa.meio atrasado.ligação perdida.olhar atento.desculpa o atraso.to indo embora.quer carona?aqui desse lado,aqui..assim mesmo.meu fluminense e meus desejos.um beijo do seu.eu aqui em qualquer lugar aqui, espaço pra vazão a idéias. ficção criando uma verdade pseudo pessoal. "eu quero uma verdade inventada"

leia me

outras divagações


[alter]ego marginal

quantas?

free counter